Sector de Novas Altas Tecnologias
  • Explorar o sector de novas altas tecnologias a fim de criar um centro internacional de inovação tecnológica da Grande Baía, para ajudar o desenvolvimento qualitativo do País.
  • Por forma a promover a articulação do desenvolvimento científico e tecnológico e da diversificação adequada da economia de Macau, e de promover o desenvolvimento qualitativo da economia do território, a Direcção dos Serviços de Economia foi reestruturada e passou a ser denominada Direcção dos Serviços de Economia e Desenvolvimento Tecnológico, introduzindo competências que promovem o desenvolvimento da inovação tecnológica. Entrou em funcionamento em Fevereiro de 2021 e é responsável pela investigação, coordenação e implementação das políticas de desenvolvimento económico e tecnológico de Macau.
  • Macau recebeu a aprovação do Ministério da Ciência e Tecnologia e tem estabelecido quatro laboratórios de referência do Estado, o que fornece um maior espaço de cooperação para colaborações entre indústrias, universidades e centros de investigação, bem como para a transformação dos resultados científicos e tecnológicos.
Laboratório de Referência do Estado para Investigação de Qualidade em Medicina Chinesa
Laboratório de Referência do Estado em Circuitos Integrados em Muito Larga Escala Analógicos e Mistos
Laboratório de Referência do Estado de Internet das Coisas da Cidade Inteligente
Laboratório de Referência do Estado para a Ciência Lunar e Planetária
  • O “Regime de benefícios fiscais para as empresas que exerçam actividades de inovação científica e tecnológica” entrou em vigor em Abril de 2021, fornecendo às empresas que exerçam actividades de inovação científica e tecnológica, benefícios fiscais, nomeadamente imposto do selo, contribuição predial, imposto complementar de rendimentos, imposto profissional, etc.
  • Tendo em conta os objectivos da política de desenvolvimento científico e tecnológico de Macau, o Fundo para o Desenvolvimento das Ciências e da Tecnologia fornece apoio financeiro a vários projectos considerados como reforço da capacidade de investigação científica, inovação e competitividade de Macau, e, em Maio de 2021, publicou a versão actualizada do Regulamento da Concessão de Apoio Financeiro.